Resenha do livro: Uma curva no tempo

12650268_966846396703728_1490411648_n

Livro: Uma curva no tempo

Autor: Dani Atkins

Sinopse: Duas histórias diferentes podem levar ao mesmo final feliz? Às vésperas de saírem da cidade para a faculdade, Rachel Wiltshire e seus amigos sofreram um terrível acidente. Durante o jantar de despedida do grupo, um carro desgovernado atravessou a vidraça do restaurante onde estavam. Rachel escapou por pouco… Na verdade, ela deve sua vida a Jimmy, seu melhor amigo, que se sacrificou para salvá-la.
Cinco anos mais tarde, todos do grupo estão prestes a se reencontrar para o casamento de Sarah. Bem, quase todos. É com muita dificuldade que Rachel se convence a prestigiar a amiga, pois sabe que, para isso, terá de enfrentar os fantasmas do passado. Principalmente a culpa pela morte de Jimmy.
Com a vida destroçada, o rosto desfigurado por uma grande cicatriz e sofrendo de constantes dores de cabeça em decorrência do acidente, Rachel se obriga a encarar os fatos e vai ao cemitério visitar pela primeira vez o túmulo do amigo. Ao chegar lá, sua dor se intensifica a tal ponto que ela acaba desmaiando.
Quando acorda no hospital, Rachel fica surpresa: seu pai parece estar curado do câncer que o devastava, Jimmy está vivo e Matt – seu ex-namorado – alega ser seu noivo.
Sem entender o que lhe aconteceu, Rachel tenta convencer a todos de que nada daquilo pode ser real, mas os médicos apenas a diagnosticam com amnésia.
Desesperada por respostas, Rachel precisa primeiro decidir se vale a pena tentar voltar para a vida que conhecia e que, no fim das contas, era muito pior do que a que ela tem agora…

Resenha: Quando comecei a ler esse livro, eu tinha minhas dúvidas se gostaria. A história parecia muito trágica e a personagem bem dramática e nas primeiras páginas já é possível ver que Rachel se culpa pelo acidente de cinco anos atrás, se culpa pela morte do amigo e não se permite ser realizada porque acha que não merece, acha que depois da morte de Jimmy, ela não merece conquistar tudo o que sonhou nem seguir em frente. Rachel fica com uma cicatriz grande no rosto e anda tendo terríveis dores de cabeça, ela está ignorando porque seu pai está doente e ela não quer dar mais uma preocupação a ele.

Mas as coisas mudam completamente e tomam uma direção mais interessante quando Rachel precisa voltar à sua cidade natal, para o casamente de sua melhor amiga Sarah, mesmo se sentindo frágil e com medo Rachel decidi que vai ao casamento e que enfrentara os fantasmas do passado. O que eu gostei em Rachel é que ela se mantém forte, mesmo estando se sentindo mal, ela visita os antigos lugares e ao cemitério aonde Jimmy está enterrado.

E é então quando ela tem a chance de fazer tudo diferente, ela acorda e a vida está boa, Jimmy está vivo e seu pai está com uma saúde perfeita, agora ela tenta descobrir o que aconteceu e porque tudo está diferente, ela deve tentar voltar para sua vida infeliz? Ou se manter nessa? O final é surpreendente, eu imaginava uma outra coisa. E ao mesmo tempo é triste. Esse livro apresenta uma história gostosa de se ler e que prende você.

Um beijo e até a próxima.

Facebooktwittergoogle_pluspinterestmail

You may also like

6 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *